CMO reduz 54,2% com melhora na expectativa de chuvas para próxima semana

O Custo Marginal da Operação (CMO) do setor elétrico reduziu, na média, 54,2% em todos os submercados para a semana operativa de 25 de novembro a 1º de dezembro, em razão das expectativas de afluências acima da média história para os submercados Sudeste e Sul.


Para a próxima semana, o CMO médio está calculado em R$ 204,32/MWh, contra R$ 446,07 utilizado entre os dias 18 e 24 de novembro. As informações são do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), divulgadas nesta sexta-feira, 24.



Em dezembro, o ONS estima que as Energias Naturais Afluentes (ENAs) serão de 101% da Média de Longo Termo (MLT) no Sudeste; 126% no Sul; 58% no Nordeste e 62% no Norte. Para a próxima semana, o órgão estima ENAs de 111% (SE/CO); 126% (Sul); 39% (NE); e 63% (Norte).


Em dezembro, a carga (consumo+perdas) no Sistema Interligado Nacional (SIN) deverá apresentar variação positiva de 2,5% na comparação com o mesmo período do ano passado, para 66.730 MW médios.


O ONS espera que os reservatórios terminem o ano com energia armazenada máxima de 24,5% no Sudeste; 65,9% no Sul; 12,8% no Nordeste; e 12,9% no Norte. O nível inicial em 24 de novembro era de 18% (SE/CO); 60,4% (Sul); 5% (NE); e 17,4% (Norte), indicando que haverá recuperação dos reservatórios ao longo do próximo mês, caso as previsões se confirmem.

 

Fonte: Canal Energia